golpeApesar de ser um golpe antigo, o GOLPE DO BILHETE PREMIADO, ainda continua fazendo novas vitimas e foi o que aconteceu recentemente com um homem que mora na periferia de Curitiba.

Muitas pessoas já conhecem como é aplicado o golpe, mas como ele ainda continua fazendo vitimas, é interessante explicar novamente como é a ação dos golpistas.

Procurando se passar por uma pessoa humilde e andando com o “falso” bilhete premiado nas mãos, procuram uma vitima para aplicar o golpe e para tal usam a seu favor, a ambição das pessoas.

Pedem auxilio dizendo que não sabem como fazer para receber o premio do bilhete que tem nas mãos e a vitima ao ajudar, verifica que o bilhete é realmente premiado e que o valor do premio é considerável.

Nesse momento dependendo da reação da “vitima“ é que começa realmente o golpe; o golpista começa a alegar que quer ir embora e que se tivesse uma parte do premio não ligaria de dar o resto para quem o ajudar.

Se a pessoa em questão for gananciosa, é dado continuidade no golpe; foi o que aconteceu com a última vitima que ao perceber que poderia tirar proveito em cima de uma pessoa sem muito esclarecimento e ganhar um dinheiro “fácil”, sacou todas as suas economias, R$6.000,00 e entregou para o golpista e como “recompensa” ficou com o BILHETE PREMIADO.

Mas ao chegar no Banco e tentar sacar o valor do premio constatou que o bilhete era falso e que havia caído em um golpe.

Nesse momento começa o desespero, mas infelizmente não há muito que a polícia possa fazer, pois o golpista com certeza já foi para sua casa comemorar mais um golpe bem aplicado, graças à ganancia e ambição de sua vitima.

Então nunca esqueçam, dinheiro só vem antes do trabalho, no dicionário, onde a letra “d” de dinheiro vem antes e a letra “t” de trabalho vem depois.

E não se pode alegar falta de experiência, pois a grande maioria das vitimas que caem nesse golpe são pessoas de idade.

E nunca esqueçam, PREVENIR é sempre o melhor remédio. Para ver outras matérias, acesse www.coronelcosta.com.br