Um dos assuntos que foi muito comentado nos últimos dias foi a proposta de Lei que está em trâmite na cidade de Curitiba e que trata do controle de pessoas que entrarem armadas nas casas noturnas bem como a proibição de se vender bebida alcoólica para os mesmos.

Infelizmente essa lei está vindo para normatizar uma conduta que deve ser no dia a dia uma rotina para quem anda armado.

Da mesma forma que beber e dirigir não é correto, mais grave ainda é andar armado e consumir bebida alcoólica.

Com as restrições sobre o porte de arma, essa legislação está basicamente direcionada para os policiais, que atualmente são a quase totalidade da população que tem acesso ao porte de armas.

O único benefício que na pratica essa lei vai proporcionar é que os donos das casas noturnas terão mais um amparo legal para em caso de constatarem que um policial está armado no interior da casa e consumindo bebida alcoólica terem argumentos para falar com o mesmo e caso não haja mudança no comportamento poderão acionar a corporação a que pertencer o policial.

Mas, já está comprovado que os bons policiais não se envolvem em ocorrências dessa natureza e quando atuam o fazem para cumprir com sua responsabilidade para com a defesa da população.

Da mesma forma como ocorre hoje, os problemas se concentrarão nos maus policias, que indevidamente usam da sua função para descumprir a legislação a que os mesmos tem conhecimento.

É importante que as casas noturnas disponibilizem cofres individuais para que ao que estiverem armados possam deixar suas armas guardadas em segurança. Atualmente são muito poucas as casas noturnas que oferecem isso e por isso muitos policiais acabam entrando armados não porque querem, mas porque não tem um local seguro onde possam deixar suas armas,

Nunca esqueçam PREVENIR é sempre o melhor remédio.

Caso tenham interesse em ver outras matérias, acessem www.coronelcosta.com.br