Não é de hoje que sabemos que não temos no Planeta a capacidade de suportar a população, bem como dos recursos gastos de forma intensa. A verdade é que estamos no vermelho,

Que precisamos reduzir nosso consumo para que os danos não sejam ainda maiores. Mais o que é possível fazer? Por que nada se faz? A inércia é maior ou falta sabedoria?

planetaterraPois bem, são tantas perguntas sem respostas que sinceramente é até difícil saber o por que as lideranças mundiais somente dizem, prometem, mais efetivamente nada fazem. De acordo com a pesquisa da organização internacional de sustentabilidade Global Footprint Network(GFN) divulgada pelo dia da sobrecarga da terra, 85% da população mundial vive em países que demandam mais da natureza do que os ecossistemas podem renovar. Precisaríamos pelo menos de mais meio planeta para suportar tanta sobrecarga.

O grande desafio do século 21 certamente é buscar o equilíbrio no consumo, no impacto ambiental e em tudo que envolve a ruína que estamos trazendo ao Planeta. No Brasil, apesar de toda riqueza natural que temos, estamos em débito. A agricultura, bem como o consumo com combustíveis em carros e a industria estão a frente nesse impacto. No entanto, é preciso que as pessoas no seu dia a dia estejam conscientes pois todos são responsáveis pelo impacto.

Desta forma, meu desejo de mudança a todos, de conscientização, de melhoria em busca de um Planeta melhor. Se estamos consumindo os recursos naturais alem do que podemos, significa que estamos destruindo nosso futuro com nosso egoísmo e falta de atitude. Para ser parte de uma Geração Sustentável é preciso reduzir o consumo. Seja forte, faça sua parte e assim teremos um Planeta melhor.

* Evandro Razzoto é professor da UTFPR (Universidade Tecnológica Federal do Paraná), consultor e palestrante ambiental. Além disso, escreveu o livro Eco Sustentabilidade: Dicas para tornar você e sua empresa sustentável, em que fala principalmente sobre como conciliar os três pilares da sustentabilidade (crescimento econômico, responsabilidade social e preservação ambiental) na gestão e marketing das empresas.