Imagem ilustrativa

Hoje resolvi escrever para você sobre a minha forma de trabalho atual. Não me refiro a profissão em si, mas a forma de trabalhar que eu e meu marido escolhemos (uma que dá saudade para caramba, mas que guarda em si aventuras e aprendizados sem precedentes).

E antes de entrar no assunto quero dizer que não estou defendendo, nem dizendo que a minha escolha é melhor ou pior, é apenas a escolha que fizemos para um período de nossas vidas.

Acho bacana contar para você também que essa escolha faz parte da realização de um sonho que eu tinha há mais de 22 anos e que o marido topou embarcar (yay)!

Talvez a esse ponto você já tenha descoberto do que estou falando, ou não. Estou falando de transformar o mundo no próprio escritório. Colocar as roupas na mala e o laptop nas costas e trabalhar em qualquer lugar onde houver internet. De trabalhar viajando, viajar trabalhando, trabalhar mundo a fora, ser nômade digital, estar de férias enquanto trabalha (como algumas pessoas pensam que é…), ou como minha mãe intitulou “tipo uma vida cigana” pois até agora em 38 dias já moramos em 3 cidades diferentes da Flórida (Estados Unidos).

Acima de tudo é importante dizer que, em qualquer lugar, sigo em busca de realizar sonhos vivendo minhas paixões: ser Coach Criacional de Empreendedores que desejam encontrar seu caminho e realizar seus sonhos como eu; e trabalhar nossa empresa de marketing digital.

Você pode ter se perguntado agora: “que negócio é esse de coaching criacional?” esse será um tema para outro artigo. No momento posso dizer que sou uma das menos de 200 pessoas com essa formação no mundo, e que é uma metodologia exclusiva criada por Geronimo Theml, uma das maiores referências de coaching no Brasil na atualidade.

Ok, falei pra caramba de muitas coisas até aqui. Na prática então como funciona? No dia a dia estamos vivendo aqui nos Estados Unidos, alugamos nosso espaço, que geralmente são quartos tipo airbnb em casas de família, também já ficamos alguns dias com amigos em uma emergência. Uma coisa é importante te contar, não dá para achar que irá viver em hotéis e cheio de luxo,

pois existe o fator conversão das moedas, então precisa ter planejamento e pé no chão sempre! Afinal, não são férias não, é viver, viajar e trabalhar, o que é totalmente diferente.

Inclusive conto para você desde já, é muito excitante poder conhecer lugares, pessoas, culturas, inovações, tecnologias de ponta, aprender novas línguas etc, mas não é fácil não, pois assim como uma empresa com sede física, existem vários desafios a serem superados e alguns inesperados vez ou outra.

Ahhh, e para viver uma experiência como esta você precisa ter uma profissão que te permita trabalhar de qualquer lugar, e que possa ser desenvolvida sem sua presença física constante. Ou estar disposto a trabalhar em novas profissões, nesse caso você pode buscar um emprego antes na internet e estar disposto a ir para outros lugares do mundo, aprender outras línguas e com certeza viver muitos momentos únicos.

No final das contas uma coisa é certa, pelo menos até esse pedaço da experiência (sim, voltarei a falar sobre o assunto se quiserem saber mais): vá e viva aquilo que você deseja viver, experimente, teste e conheça, nada de passar a vida pensando em como teria sido se fosse. A vida é o que você faz hoje, então siga na direção daquilo que você sonha.

Me acompanhe e empreenda sua vida.

Gostou desse artigo? Manda um e-mail contando para mim, quero ouvir a sua opinião.

Pode enviar também sua dúvida ou comentário, quem sabe posso fazer dela o tema de um artigo do blog!

Contato: [email protected]

Ou pelo instagram: @isabellefeichas

#EmpreendaSuaVida #Empreendedorismo #EmpreendaComBrilho #CoachingCriacional #EmpreenderTransforma #MelhorAno #Trabalho #Paixão