(Ilustração: Pixabay)
Esse parece um tema comum, mas vejo que muitos pais apresentam dificuldades em conversar, perguntar e informar os filhos a respeito das situações que podem estar acontecendo na escola, no meio das amizades e relacionamentos, ou até mesmo das preocupações sobre os assuntos do dia-a-dia.
Não é minha função dizer como pais, mães ou responsáveis devem cuidar de suas crianças e adolescentes. Longe disso, não existe um manual certo ou errado, as pessoas tem suas particularidades, suas histórias de vida e tudo isso irá contar como a forma que se dedicam a função paterna e materna.
Gostaria apenas de destacar algumas ações que podem ajudar no convívio familiar e que podem muitas vezes aproximar jovens e crianças de seus pais. O simples gesto de perguntar ao filho como foi o seu dia na escola, de questionar sobre as amizades, mostrando interesse a respeito de como é a vida desse filho fora de casa, são atitudes que demonstram carinho e aproximam o relacionamento familiar. Tendo dessa maneira, a abertura de acolhê-los em situações difíceis. Situações que muitos jovens e crianças não têm com quem compartilhar, e trazem um sofrimento psíquico.
Vamos ficar atentos para esse olhar e para essa escuta que os filhos buscam de vocês pais, mostrando que além de responsáveis por eles, vocês se importam pelo bem estar, não apenas presenteando-os com coisas materiais, mas surpreendendo-os com palavras e afeto. Os filhos buscam no tempo com os pais qualidade e não quantidade.

*Sobre o blog:

O Blog Cotidiano em foco é feito pela equipe da INTEGRALLE formada pelas profissionais :

  • Ana Valéria Souza
    Fonoaudióloga
    CRFa 7370-PR
    Formada pela PUC-PR
    Fonoaudióloga Clínica desde 2000 atuando com intervenção nos distúrbios da comunicação.
    Fonoaudióloga Educacional desde 2008 desenvolvendo projetos de prevenção, triagens, formação de professores e orientação aos pais.
    Premiada pelo Sindicato das Escolas Particulares do Paraná pelo projeto “Crescendo e Aprendendo”(2015)
Profissionais da Integralle
  • Yasmine Hernandes David João
    Psicóloga
    CRP-08/24131
    Formada pela Universidade Positivo
    Psicóloga clínica, trabalha com crianças e adolescentes.
    Atua com transtornos geralmente diagnosticados pela primeira vez na infância ou adolescência.
  • Marini Fussek
    Fonoaudióloga
    CRFª 4047
    Especilista em Linguagem
    Especialista em Distúrbios da Comunicação
    Neuropsicopedagoga
    Mestre em Educação
    Fonoaudióloga clínica
    Professora de Pós Graduação

A equipe INTEGRALLE – Centro de Atendimento Terapêutico e Educacional, oferece:
– Atendimentos clínicos
– Grupos focais
– Grupos de orientação e atualização do conhecimento
– Palestras
-Capacitações
– Público: pais e familiares, Escolas, educadores, acompanhantes terapêuticos, profissionais e estudantes  da área da saúde e educação.