Ilustração do Conselho Federal de Fonoaudiologia

A Fonoaudiologia Clínica que atua com o diagnóstico e tratamento dos Distúrbios da Comunicação é bastante conhecida da população. No Paraná o curso forma profissionais há 30 anos, porém, a especialidade que se preocupa com a prevenção ainda é pouco difundida em nosso estado. Trata-se da Fonoaudiologia Escolar.

O Fonoaudiólogo pode atuar com projetos e prestações de serviços realizando triagens de fala e demais funções orais, linguagem, bem como triagens auditivas. A eficiência desses métodos de avaliação é comprovada podendo ser um alerta para os pais cujos filhos apresentem sintomas. O diagnóstico Médico ou Fonoaudiológico precoce pode abreviar o tratamento seja ele clínico ou medicamentoso.

Os projetos visam a melhoria da qualidade de ensino por meio do atendimento de demandas educacionais da Instituição de Ensino que poderá se beneficiar com o conhecimento e estudo da Fonoaudiologia.

O Fonoaudiólogo que faz parte da equipe firma parcerias teórico-práticas para o planejamento e a condução de atividades ligadas aos processos de aprendizagem e habilidades de comunicação oral e escrita. A “troca” de conhecimentos beneficia o professor que participa de programas de formação (cursos e palestras) que contribuem para sua atuação em sala de aula. O “saber” sobre a aquisição e o desenvolvimento da linguagem, fala, leitura e escrita ampliam a perspectiva de trabalho desse profissional com seus alunos. Torna-se um diferencial em sua carreira profissional à medida que o qualifica a intervir em sala de aula, tendo como foco os processos de aquisição e desenvolvimento da linguagem oral, letramento e alfabetização.

Em tempos de inclusão escolar, o papel do Fonoaudiólogo Escolar é fundamental para auxiliar na capacitação dos professores quanto às diferentes patologias (transtornos) que necessitam de adaptações de conteúdo pedagógico, recursos adicionais para acesso à aprendizagem, análise desse aluno (sintomas linguísticos) e avaliações eficientes de seu desempenho. A adequação das propostas pedagógicas é de extrema importância, pois o aluno com necessidades educacionais especiais enfrenta inúmeros desafios para acessar o conhecimento.

O trabalho com o professor também visa manter a qualidade da sua voz. Evitar ou diminuir os abusos vocais frequentemente cometidos em ambiente escolar é função atribuída ao Fonoaudiólogo. Atuando no aprimoramento de técnicas de cuidados vocais poderá evitar doenças relacionadas as cordas vocais que poderão prejudicar o desempenho do professor.

Finalmente, o trabalho com pais, visa orientá-los a respeito das várias fases da vida da criança transmitindo informações sobre: amamentação, aquisição da fala/linguagem, hábitos de sucção, respiração, padrões alimentares (mastigar e engolir), leitura e escrita (alfabetização, trocas de letras).

Mais conhecimento sobre esses temas poderá influenciá-los a estimular seus filhos e colaborar para o bom desempenho de tais funções.

O principal beneficiado é o aluno, tanto do ponto de vista da prevenção dos distúrbios da comunicação quanto no ambiente de sala de aula, recebendo o melhor de seus professores!

A escola que conta com a participação desse profissional em sua equipe apresenta um diferencial, portanto, destaca-se no meio educacional por demonstrar preocupação com a formação ampla e global de seus alunos.

*Sobre o blog:

O Blog Cotidiano em foco é feito pela equipe da INTEGRALLE formada pelas profissionais :

Ana Valéria Souza
Fonoaudióloga
CRFa 7370-PR
Formada pela PUC-PR
Fonoaudióloga Clínica desde 2000 atuando com intervenção nos distúrbios da comunicação.
Fonoaudióloga Educacional desde 2008 desenvolvendo projetos de prevenção, triagens, formação de professores e orientação aos pais.
Premiada pelo Sindicato das Escolas Particulares do Paraná pelo projeto “Crescendo e Aprendendo”(2015)

Profissionais da Integralle

Yasmine Hernandes David João
Psicóloga
CRP-08/24131
Formada pela Universidade Positivo
Psicóloga clínica, trabalha com crianças e adolescentes.
Atua com transtornos geralmente diagnosticados pela primeira vez na infância ou adolescência.

Marini Fussek
Fonoaudióloga
CRFª 4047
Especilista em Linguagem
Especialista em Distúrbios da Comunicação
Neuropsicopedagoga
Mestre em Educação
Fonoaudióloga clínica
Professora de Pós Graduação

A equipe INTEGRALLE – Centro de Atendimento Terapêutico e Educacional, oferece:
– Atendimentos clínicos
– Grupos focais
– Grupos de orientação e atualização do conhecimento
– Palestras
-Capacitações
– Público: pais e familiares, Escolas, educadores, acompanhantes terapêuticos, profissionais e estudantes da área da saúde e educação.